VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Translate

13 de jan de 2017

Brincadeira tem limite? Kéfera blasfema contra Deus em novo vídeo e recebe críticas


Graça e paz!

         Brincadeira tem limite? Até onde uma pessoa pode ir "na brincadeira" sem ofender toda uma religião ou um povo? Até onde estamos dispostos a chegar para ganhar alguma coisa seja fama, likes, sucesso, dinheiro ou até mesmo tapinha nas costas?
         Essa matéria deixou-me alarmado com algo. Reverência e Temor.
         Duas coisas que se perderam ao longo do tempo. 
Reverência - substantivo feminino
  1. 1.
    veneração pelo que se considera sagrado ou se apresenta como tal.
  2. 2.
    p.ext. respeito profundo por alguém ou algo, em função das virtudes, qualidades que possui ou parece possuir; consideração, deferência.

Temor - substantivo masculino
  1. 1.
    falta de tranquilidade, sensação de ameaça; susto.

    "assediados pelos selvagens, vivem em t. constante"
  2. 2.
    p.ext. sentimento de profundo respeito e obediência.

    "t. a Deus"

       Tendo em vista que nada disso mais se aplica nos dias de hoje em relação a muita gente, esses sentimentos ou demonstrações se perderam no tempo, vivemos na era digital, informatizada onde tudo se pode (falar, publicar expressar) porque temos esse direito. Mas me pergunto e os direitos de Deus?
       Acompanhem a matéria e se puderem assistam ao vídeo é curto mais causa grande impacto...


O canal Portas dos Fundos, um dos mais populares da internet brasileira, acumulou polêmicas toda vez que fez piadas com religião ou simplesmente blasfemou, ridicularizando a imagem de Jesus ou a de Deus.
Esta semana foi a vez da youtuber Kéfera Buchmann, conhecida pelo canal “5incominutos” fazer piada com Deus. No vídeo “Que Calor da Por…”, postado na terça (10), a atriz e escritora enfileirou vários palavrões e sugere que Deus se masturba.
Como sugere o título, a intenção dela é comentar sobre as mudanças que as altas temperaturas causam na rotina das pessoas. Ao falar sobre a aparência de algumas mulheres – pouco depois dos três minutos – insinua que Deus age como um voyeur.
Usando efeitos de vídeo, tentou mostrar uma possível reação divina diante das ofensas. O som de um relâmpago é ouvido e ela reclama que Deus “não sabe brincar”. Ao longo dos 10 minutos da gravação, feita no quarto da curitibana, ela fala sobre o calor da cidade, onde está passando as férias com a família.
[vídeo contém palavras de baixo calão]
“Com Deus não se brinca”, alertaram vários internautas. “Depois [que] blasfemou do senhor perdeu uma fã perdeu uma escrita ou melhor 17 meus amigos também se descreveram (sic)”, avisa uma agora ex-fã. Há quem a chame de “satânica”.
Muitos comentários do vídeo mostram que as palavras dela não causam estranheza para quem a acompanha na internet. Em vários casos, as pessoas que a criticaram foram atacadas por sua fé e por terem se ofendido com o material.
Até agora, o vídeo já acumula um milhão e 800 mil visualizações, tendo sido marcado como “não gostei” por mais de 62 mil usuários. A exemplo do que já foi feito com o Porta dos Fundos, há uma campanha para denunciar o vídeo para que ele seja retirado do ar pelo Youtube. Mas o histórico recente sobre esse tipo de apelo mostra que dá pouco resultado.

Kefera vai para a Globo

O canal de Kefera foi fundado em julho de 2010. Com mais de 10 milhões de inscritos e acumulando mais de 780 milhões de visualizações, é um dos maiores da rede no Brasil.
A youtuber recentemente usou a fama adquirida na internet e escreveu livros voltados a público adolescente, que são a maioria dos seus fãs. Ela também protagonizou o longa “É Fada”. Segundo a Folha de São Paulo, a Globo dá como certo que Kéfera estará em alguma novela da emissora ainda neste ano.
fonte: Gospelprime

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Graça e Paz!
Seja muito bem vindo, comente com moderação e respeito, o espaço está aberto para todos, evite palavras indecorosas e respeite a opinião dos demais comentaristas!!!